Back to Notícias

IRMÃ FERNANDA DE JESUS RODRIGUES

27-7-1934 | 5-7-2018

 Foi a 27 de Julho de 1934 que a nossa querida Irmã nasceu em Gralheira, Cinfães,  onde viveu a sua juventude, no seio duma família cristã.

Em 1950, entrou no Noviciado, em Santa Cristina do Couto, a fim de receber a formação para a Vida Religiosa e para o espírito da Congregação das Franciscanas, ditas, de Calais, hoje, Franciscanas Missionárias de Nossa Senhora. Na tomada do hábito, foi-lhe dado o nome de Inésia de Jesus, como símbolo da passagem do mundo para Deus. Em 1952 fez a Profissão Temporária e consagrou-se totalmente ao Senhor, com os votos Perpétuos em 21 de Novembro de 1956.

Passou os seus primeiros anos de Vida Religiosa nos vários hospitais, em Portugal.

Em 1969, foi para Moçambique, passando por várias missões. Regressou a Portugal em 1977 e foi colocada no Hospital de Santa Maria, depois, no hospital de Alcochete, onde acumulou a missão de superiora da Comunidade.

A seu pedido, em 1983, regressou a Moçambique, sendo colocada na Manga, Beira, na missão de São Benedito, como enfermeira/parteira, profissão que exerceu junto das mães a quem ajudou e consolou pelo nascimento dos seus filhos. Acumulou aí, a missão de superiora da Comunidade.

Regressou a Portugal com a saúde fragilizada, mas passando ainda por algumas casas. 

Sentindo-se sem forças veio para a Comunidade de Gondomar, a 24 de Março de 2004, onde teve a assistência que a sua saúde requeria. No princípio de Julho, deu uma queda e o seu estado de saúde agravou-se, tendo sido hospitalizada, sempre na esperança de melhoras. Isso não aconteceu. Chegou a hora de ir Para o Pai.

Era uma Irmã muito grata por todos os gestos de carinho que lhe faziam, sempre com um sorriso amável. Participava na vida da Comunidade, segundo as suas possibilidades. Estava sempre presente em todos os exercícios. Levava uma vida íntima com Jesus Eucaristia. Ia sempre à adoração e aí ficava longo tempo.

Querida Irmã, agradecemos o seu bom exemplo e a sua vida Consagrada, de fidelidade a Deus.

Com gratidão fraterna lhe dizemos: Até um dia em Deus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to Notícias